09/06/2008

Tatuagem

imagem de-lara pires


desnudo-te nas minhas mãos, para te cobrir de seguida com a página branca.

qual lençol?!... aquele opúsculo, onde desliza o azeite das minhas letras simbólicas no refinado chamamento do "alambique das agulhas".

ali se liquefazem as azeitonas, essas mesmo…
esbatem-se em tinta, com que eu te tatuo.

todos os direios reservados a jorge vieira cardoso

21 comentários:

Carlos disse...

Jorge,
jogo maravilhoso de entrega e cumplicidade, onde as mãos se envolvem em poesia ... e o corpo em rituais eróticos ....lubrificados em letras de prazer....
Adoro este quadro....e a tua simbologia....

Um abraço

semrosto disse...

...tatuagem definitiva!
que em nossos corações grava e não apaga...
mas sim consola-nos a alma!

(Un)Hapiness disse...

há tatuagens que nos marcam para sempre, há tatuagens temporárias, há tatuagens que deixam saudade e outras que magoam.
o mundo é assim, como dizes, ora azedo, ora doce...os contextos mudam, e fazem dela, da tatuagem, versões diferentes da mesma história...

kiss :)

SAM disse...

Lindo Jorge!

Grande beijo querido

NAELA disse...

Jorge sublime! Poema profundo, a tua tatuagem veste a minha alma, gravando versos que leio em mim!
Beijo terno

EDUARDO disse...

A vida é a tatuagem escrita na pele do tempo, apaga-se com facilidade.Mas por aqui quero manter a LUZ bem acesa!!
Poderoso! Adorei!

PARADOXOS

anamarta disse...

Vim agradecer a tua visita,e as palavras gentis que deixaste. Lindo o teu texto! Também gostei do teu espaço. Voltarei
Beijos

Carlos disse...

Jorge,
Obrigado pelo teu comentário, é sempre encorajador, mesmo embora eu seja um leigo na escrita.
Tu sim continua pois é bom demais ler-te

Abraço

Maria Dias disse...

Palavras gravadas no corpo para sempre como tatuagem.Palavras derramadas feito azeite que faz os corpos escorregarem,as mãos deslizarem...Achei belo e erótico este texto poético.

Parabéns!

Beijinhos

Mar disse...

tinha saudade de te ler. excelente momento.
um beijo em ti tatuado de verdade


:*

Anja Rakas disse...

Humm..
Invasão sem permissão..
Tatuagens..
Uma escolha que muita das vezes não nos cabe como seres humanos mas nos apanha de rasteira como seres imperfeitos que somos.
Tatuagens...quem não as tem? Um recém nascido? Negativo...ao vir ao mundo ele está tatuado com a sua busca pela perfeição.
Gostei...
Bjokas

Suzana disse...

Amor em concordÂncia!
Obrigada pela visita no Poética sem Métrica.

bjs

AxOr!aNo disse...

A página branca que apagando o momento da anterior descoberta com o doce tapar de um corpo abre porta à escrita do sentimento presente que mais uma vez julgaremos defenitivo como uma tatuagem!
Parabéns pelos trilhos por ti criados na imaginação de cada um que lê estes teus "textos".

Carlos disse...

Olá, Jorge,
Na estrada da vida e nas inerentes desilusões, aquilo que ainda me consegue ,dar algum alento é a amizade e podes incondicionalmente contar também com a minha.
Depois quando consigo, nos teus poemas encontrar, muitas das coisas que eu gostaria de escrever mas que não tenho essa magia ....ainda melhor, eu ,me sinto.
Sabes não é como dizes modéstia....simplesmente alguma limitação.
Muito obrigado pelo teu comentário, sabe bem e encoraja ..embora eu esteja a pensar ....por algumas razões....fechar lá o meu «pasquim»

Agora amigo , desejo-te igualmente um óptimo fim de semana.
Continua a deliciar-nos com a tua escrita...ela faz-nos muito bem

Abraço

Sandra disse...

As tatuagens que fazes num lindo texto poético são macias, mas as verdadeiras não são tão macias como as que escrevemos.

Obrigado pelo comentário e continua a tua boa escrita.


Beijos!!!!!!!!!!

Aninha disse...

Boa tarde,Jorge
belo Domingo

Lindo...lembrei-me da música de Chico Buarque "tatuagem",conhece?
"Quero ficar no teu corpo
Feito tatuagem
Que é prá te dar coragem
Prá seguir viagem
Quando a noite vem...

E também prá me perpetuar
Em tua escrava
Que você pega, esfrega
Nega, mas não lava..."

Vou linkar seu Blog para não esquecer de voltar.

sucesso

Diva disse...

Cumplicidades... temporarias ou definitivas. marcas.
Bjs meus

SAM disse...

Jorge querido, obrigada pelo gentil comentário no meu cantinho. Estar aqui é sempre um grande prazer. Uma bela semana.

Beijos

impulsos disse...

Tatuagem feita da negra tinta das azeitonas...
É poderosa essa tinta!

Beijo

Algodão doce disse...

que palavras...:$

Vasco disse...

Jorge,

A tua escrita é uma tatuagem.. pois fica marcada de forma permanente na alma...

Lindo. A tua escrita é sublime!

Xi-coração

Seguidores

Contagem de visitas

Music


MusicPlaylist